Publicado por: PROFª SURAIA | 20/12/2009

Sangue fresco


Um bandido seqüestra as crianças bem-nutridas das escolas particulares de São Paulo e as leva para um campo de concentração na Amazônia, onde o sangue delas é retirado e exportado.

A turma do gordo também é seqüestrada, apesar de ter se cercado de guarda-costas. O sangue do gordo revela-se preciosíssimo, uma sucuri se apaixona por ele e faz de tudo para comê-lo. Depois de vários lances, o gordo lidera a fuga da turma.

Mas como se orientar no coração da Floresta Amazônica, sem bússola e sem mapa? Como sobreviver? E, além disso, com os bandidos nos calcanhares, mandando expedições para capturá-los novamente.

Em conversa com mateiros experientes, acostumados a andar sozinhos na Floresta Amazônica, sem bússola, sem mapa e sem levar mantimentos, o autor, pacientemente, colheu os elementos de que precisava para escrever a fuga da turma do gordo pela floresta amazônica, rigorosamente exata, em todos os detalhes, inclusive nos segredinhos mais saborosos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: