Publicado por: PROFª SURAIA | 02/10/2009

O domador de monstros


Sérgio era um menino que via monstros pelas paredes do seu quarto. E, para espantar o medo, teve de tomar uma atitude corajosa: ele resolveu conversar com os monstros.

E, à medida que aparecia um, ele logo inventava outro, ainda mais feio. Se o monstro tinha um olho só, ele criava outro de um olho só e duas bocas.

Após sucessivas aparições e repetindo sempre a frase para o bichão“– Se ficar me olhando assim, eu chamo um monstro mais feio ainda para te assustar”, Sérgio foi trocando o medo pela vontade de rir.

Para encerrar, dizia “– Aí vem um monstro de um olho só, duas bocas, três chifres, quatro trombas, cinco umbigos, seis línguas, sete rabos, oito corcovas, nove pernas, dez cores, onze caretas, doze sorrisos…”.

Até que não sobrou nada de medo. Só sonhos povoados de risadas e palhaçadas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: